banner de publicidade do google na horizontal

Branding: saiba o que é, exemplos e como criar o seu

Fazer branding é essencial para marcas de todos os tipos e tamanhos. Clique e descubra como o branding pode ajudar no sucesso da sua marca.

19/03/2022 - 21:55

Botão do WhatsApp

Você provavelmente já deve ter se perguntado: o que é branding?

Como criar um bom branding para a minha marca? Como o branding pode me ajudar?

Afinal, essa é uma palavra cada vez mais usada, principalmente no mundo digital.

Continue lendo para descobrir o que é branding e como criar sua própria identidade de marca de um jeito simples.

O que é branding?

O principal objetivo do branding é criar conexões conscientes e inconscientes.

Essas conexões serão cruciais para que o cliente escolha a sua marca no momento da decisão de compra, seja de um serviço ou produto.

O branding também envolve ações relacionadas ao propósito, valores, identidade e posicionamento de marca.

Desde a criação do logotipo até os valores da empresa, tudo isso ajuda a construir a personalidade da marca na mente do consumidor.

Ter uma marca com personalidade e propósito, criar identificação com as pessoas, com suas histórias e suas causas é a chave para conquistar novos clientes.

Veja também: Negócio Tradicional x Negócio Digital: por que migrar?

Com o avanço da tecnologia, o Marketing Digital trouxe novas possibilidades para o branding.

Hoje em dia, uma marca pode oferecer diferentes formas de compra, escolhendo canais super personalizados e com menor custo.

Antes do planejamento de ações, lembramos também a importância do registro de uma marca.

Essa medida é uma proteção legal contra possíveis cópias e serve para que a empresa tenha como exclusividade o seu nome, produto, serviço ou ainda o logotipo.

Para isso, a empresa deve procurar o Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e fazer o pedido que será examinado de acordo com a Lei 9.279/96, Lei de Propriedade Industrial.

Resumidamente, o INPI tem a responsabilidade de proteger a propriedade intelectual que for devidamente registrada.

Quais são os benefícios?

O processo de gestão de uma marca pode trazer vários benefícios, tais como:

  • Aumento de confiança com seu público
  • Maior valor atrelado a marca
  • Presença na mente do consumidor
  • Fidelidade com o público

O branding é uma forma de garantir que o seu negócio crescerá de forma inteligente e duradoura, sempre voltado para o que sua marca é e como quer ser percebida.

O que é uma marca?

Uma marca vai muito além de uma identidade visual.

Ela é um conjunto de sentimentos e experiências que o seu público teve e criou do produto ou serviço que você oferece.

Você já parou para pensar por que a Coca-Cola se tornou uma das maiores marcas do mundo?

Ou por que o Itaú se tornou uma das maiores instituições financeiras a nível mundial?

Uma marca é o que diferencia empresas de sucesso de muitas outras que ficam pelo caminho.

Veja também: Networking: o poder das conexões para a sua marca

O que é um propósito?

Um propósito nada mais é do que sua razão de existir. Por que sua marca precisa existir? Por que ela foi criada?

Nessa etapa, é extremamente valioso voltar o olhar para o momento de criação da sua empresa.

O que estava na cabeça de seus fundadores? O que eles queriam transformar no mercado quando criaram sua empresa?

Muitas vezes, esse propósito vai vir como uma frase que acompanha o logo, e acaba se tornando um tagline ou um slogan da marca.

O propósito da Airbnb, marketplace de acomodações e hospedagem, é acreditar que é possível existir um mundo onde as pessoas possam pertencer a qualquer lugar.

Preciso mesmo de branding?

Quando você pensa em tênis, muito provavelmente as primeiras marcas que vêm a sua cabeça são Nike e Adidas.

E por que isso acontece? Porque elas construíram uma marca e estão em todos os lugares.

Se você acredita que não é necessário fazer o branding da sua marca, veja o que dizem os dados:

  • 77% dos líderes de marketing B2B afirmam que a marca é fundamental para o crescimento do negócio.
  • 82% dos investidores acreditam que a força da marca e o reconhecimento dela são aspectos importantes, que ajudam a decidir onde alocar seus recursos.

Veja também: Como fazer cadastro no MEI pela internet – passo a passo

Como a Coca-Cola investe em um branding consistente para estar em todo lugar

A Coca-Cola aposta na positividade.

Sua campanha de slogan “Abra a Felicidade” é apenas uma das ações que contribuem para enaltecer esse valor.

No Natal, suas embalagens assumem uma decoração especial, mas o principal destaque vai para o caminhão que leva mais do espírito natalino às ruas.

A empresa também investe pesado em publicidade. Todos os dias, você vê comerciais dela na televisão, assim como anúncios nas mais diversas mídias.

E até mesmo em grandes eventos, como os Jogos Olímpicos, aparece a sua marca entre os patrocinadores oficiais.

Fica a impressão de que a Coca-Cola está em todo lugar – o que é proposital.

Marcas que são apresentadas de maneira consistente têm de 3 a 4 vezes mais chances de alcançar visibilidade.

No caso da gigante dos refrigerantes, todo esse investimento se justifica pela manutenção do status conquistado.

Afinal, não basta chegar ao topo: o mais difícil é permanecer lá.

Como fazer branding para o seu negócio?

Quando pensamos em como fazer branding para um negócio, existem diversas possibilidades e teorias.

Mas pensamos de uma forma simples, uma das perguntas mais importantes que podemos fazer a nós mesmos é:

Qual é a marca que você quer deixar no mundo?

A partir disso, separamos alguns passos de como você pode fazer um branding de sucesso para o seu negócio. Vejamos.

Sobre propósito e valores

“Mentira tem perna curta.”

Seja claro na sua comunicação e demonstre quais são os seus valores, qual a sua missão e seus propósitos.

Para chegar ao coração do cliente, primeiro você precisa passar pelos olhos. Isso impacta positivamente na percepção dos clientes em relação à marca.

Sobre transparência

“Quem não é visto, não é lembrado.”

Comunique e transmita sempre a verdade ao seu público. Assumir um personagem pode ser arriscado e gerar menos confiança com seu público.

Sobre canais de comunicação

“Casa de ferreiro, espeto de… ferro!”

Procure saber em quais canais de comunicação sua persona está e defina em quais deles você atuará.

Faça um bom trabalho para ser visto e lembrado pelo seu público.

Sobre filosofia de atendimento

“O barato sai caro.”

Muitas vezes a parte de dedicação ao cliente é esquecida ou subestimada.

Porém, aplicar esse valor é fundamental para que toda a estratégia de marca faça real sentido e dê bons resultados.

Por isso, invista em atendimento, crie processos e estratégias de branding para que o cliente tenha todo o suporte que precisa em sua jornada.

Por fim, seja um ferreiro com espeto de ferro.

Sobre a qualidade

“Diga-me com quem tu andas e te direi quem és.”

A qualidade dos produtos e serviços impacta diretamente na reputação de uma marca.

O momento em que o cliente compra algum produto ou contrata algum serviço será decisivo para que ele decida se fidelizar ou não.

Caso adquira algo ruim, ele não comprará novamente. Portanto, pode ser mais barato manter clientes antigos ao invés de conquistar novos.

Sobre parcerias e networking

“Cada panela tem sua tampa.”

Estude com cuidado antes de formar alianças e considere “quem” e “como” você associará a sua imagem e a de seu negócio.

Veja também: Networking: o poder das conexões para a sua marca

Sobre personalidade e tom de voz

“Por ele eu ponho minha mão no fogo.”

Qual emoção está imprimida na sua marca? Quais são todos os pontos que o público verá na sua comunicação?

Com quais delas se identificará? Sua personalidade nas redes sociais está alinhada ao que sua persona busca?

Cada marca tem sua personalidade, assim como cada panela tem sua tampa.

Sobre Employer Branding (marca do empregador):

“Dar um tiro no escuro.”

Seu time defende a sua marca?

Para ter consumidores engajados em torno de uma marca é preciso, em primeiro lugar, garantir o envolvimento dos colaboradores com as propostas de valor da empresa.

Eles precisam confiar no seu negócio e defendê-lo, pois uma boa reputação se constrói a partir da percepção do outro.

Sobre business

Para a construção de uma marca forte e sustentável é importante ter um modelo de negócio bem definido: conhecer sobre o seu mercado, concorrentes e autoridades do nicho.

Para que sua marca sobreviva no tempo, mesmo diante do todos os desafios, é preciso ter um plano, consistência na execução e pessoas para te ajudar.

Eis aqui alguns pontos que você, como empresário ou empresária, deve se atentar.

Veja também: Negócio Tradicional x Negócio Digital: por que migrar?

Conclusão

Fazer branding é muito importante para marcas de todos os tipos e tamanhos.

É a partir desse esforço que nasce o reconhecimento do público sobre aquilo que oferece.

O uso estratégico e coerente do branding certamente irá gerar um retorno excelente para a sua empresa.

E especialmente no longo prazo, quanto maior o reconhecimento que sua marca tiver, maiores serão as chances de identificar, conquistar e fidelizar clientes.

Por esse motivo, a consistência em suas ações são cruciais, para que essa percepção de solidez e confiança com o público cresça constantemente.

Se gostou do conteúdo, considere compartilhar com seus amigos em suas redes sociais.

Veja também: Como fazer cadastro no MEI pela internet – passo a passo

Camilla Viriato
Camilla Viriato

Mineira, empreendedora e bacharel em direito, fundou o etd em 2016 por acreditar que toda pessoa tem o direito e a liberdade de saber. Através da internet, leva informação simples e organizada para milhões de pessoas.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>
Success message!
Warning message!
Error message!